SINDASP-MG se reúne com o Subsecretário para cobrar a regularização do transporte dos servidores da CPNH

29 Nov 16:03 2016 Por SINDASP Imprimir

Na tarde de ontem (29.11), o SINDASP-MG, representado pelo Presidente Adeilton Rocha e pelo Diretor Wanderson Costa, esteve reunido com o Subsecretário de Segurança Prisional, Washington Clark, para cobrar novamente a regularização do transporte dos Servidores do Complexo Penitenciário Nelson Hungria - CPNH.

Assim que foi notificado pelos ASPs sobre a falta de transporte, na semana passada, o Sindicato imediatamente acionou as autoridades da SEAP para cobrar uma solução urgente para a situação.

Em resposta aos questionamentos e cobranças, o Subsecretário informou que o Serviço de Inteligência da pasta identificou diversas irregularidades na linha que vão desde o uso indevido do transporte por pessoas não pertencentes ao quadro, até a circulação do ônibus vazio. Diante disso, o contrato com a empresa responsável pelo transporte não foi renovado.

Segundo Dr. Clark, o contrato, que custa cerca de R$320 mil aos cofres públicos, abrange poucos servidores. Para ele, é necessário fazer-se um levantamento acerca do quantitativo de servidores que fazem uso do transporte e então propor um novo contrato.

Para o SINDASP-MG, a medida foi intempestiva. O Sindicato não concorda com a postura adotada pela SEAP de simplesmente não renovar o contrato deixando os servidores desguarnecidos e sem apresentar sequer um posicionamento a respeito. Ao se informar sobre as irregularidades, a SEAP deveria ter se precavido e estudado soluções para esta questão antes mesmo do término do contrato.

Os diretores do sindicato também ressaltaram que a Unidade Prisional é responsável pela execução do contrato, cabendo à Diretoria Administrativa fiscalizar o uso correto do transporte e dar ciência à pasta sobre as irregularidades que surgirem e, posteriormente, notificar a empresa. Sendo assim, os servidores que necessitam do transporte não devem ser prejudicados por problemas administrativos que não são de sua responsabilidade.

O SINDASP-MG então cobrou que a SEAP estabeleça um diálogo com estes servidores imediatamente e que seja reestabelecido o transporte na Unidade. Diante disso, o Subsecretário se comprometeu a agendar com o Diretor Geral da Unidade, William Abrete, uma chamada geral a fim buscar uma solução com todos os servidores.

 

Foto: Divulgação Hoje em Dia / Amadeu Barbosa

Ofício de cobrança da regularização do transporte dos ASPs

Notícias relacionadas