SINDASP-MG se junta aos Policiais Rodoviários Federais e Guardas Municipais na luta contra o atual texto da Reforma da Previdência

16 Abr 21:59 2019 Por SINDASP Imprimir

O SINDASP-MG, na figura do Presidente Adeilton Rocha e do Diretor Carlos Alberto, esteve reunido com representantes da Polícia Rodoviária Federal e da Guarda Municipal para tratar de uma mobilização unificada das categorias dos operadores da Segurança Pública contra o tratamento dado a estes servidores, com exceção dos Militares, na PEC 06/2019 – Reforma da Previdência.

Na ocasião, os Agentes Penitenciários juntaram-se à União dos Policiais do Brasil de Minas Gerais (UPB-MG) formando, junto com os PRFs e Guardas Municipais, um grupo estadual que irá articular ações tanto em nível de Estado, quanto em nível Federal para barrarem o atual texto da Reforma e emplacarem uma Proposta de Emenda, já elaborada pela UPB, que preserva a aposentadoria especial destes servidores, incluindo os Agentes Penitenciários e Socioeducativos, respeitando o altíssimo nível de estresse e de risco inerentes à atividade policial.

O Grupo deliberou uma série de articulações políticas e sociais que buscam esclarecer, sensibilizar e angariar apoio dos parlamentares e da sociedade a estes profissionais. Dentre as ações deliberadas estão a abordagem dos Deputados e Senadores mineiros semanalmente no aeroporto e em seus gabinetes, abordagens em Brasília e um Seminário sobre a PEC 06/2019, no próximo dia 29.04 (segunda-feira), no auditório da Prefeitura de Betim, esclarecendo os principais pontos da proposta.

Adeilton informou que os Agentes Penitenciários estarão juntos nesta luta somando forças nas atividades da UPB-MG.

Notícias relacionadas