SINDASP-MG reforça junto ao DEPEN-MG demandas urgentes da categoria

27 Mar 15:10 2020 Por SINDASP Imprimir

O SINDASP-MG protocolou, ontem (26.03), novo documento reforçando as reivindicações de caráter de urgência, já tratadas em reunião realizada junto ao DEPEN-MG no dia 20 de março, mas que ainda não tiveram retornos por parte da Secretaria.

Foi solicitado, novamente, a emissão de uma declaração de aptidão para porte de arma a todos os Policiais Penais do Estado, visto que a paralisação da confecção das carteiras funcionais por parte da Secretaria tem gerado grandes transtornos a estes servidores, seja para compra, para comprovação de porte ou mesmo para renovação de registro.

Também foi cobrado uma posição do DEPEN em relação à Deliberação nº 4 do Comitê Extraordinário COVID-19, de 17 de março de 2020, que institui o regime especial de teletrabalho para os servidores do executivo que fazem parte do grupo de risco sendo estes com sessenta anos ou mais, portadores de doença crônica, gestantes ou lactantes, visto que há muitos Diretores de Unidades deixando de cumprir esta deliberação.

Além disso, o Sindicato cobra a disponibilização de máscaras, luvas e álcool em gel de forma que atenda aos servidores de TODAS as unidades, visto que muitas delas não estão recebendo estes materiais em quantidade suficiente. 

As reivindicações que foram reforçadas junto ao DEPEN-MG seguem sendo cobradas e acompanhadas pelo SINDASP-MG para que a Secretaria atenda imediatamente a estas e outras demandas da categoria que demandam urgência.

Notícias relacionadas