SINDASP-MG recebe retorno do GAECO diante das cobranças por respostas a cerca das investigações de ataques a Agentes Penitenciários no Estado

17 Abr 17:52 2018 Por SINDASP Imprimir

Após diversos contatos do SINDASP-MG com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), intermediados pelo Procurador-Geral de Justiça Adjunto Institucional, Dr. Rômulo Ferraz, em busca de agilidade nas investigações de ataques a Agentes Penitenciários no Estado e por ações que desarticulem a atuação do Crime Organizado, a Coordenadora do GAECO, Dra. Cássia Virgínia, manifestou-se em resposta às cobranças.

Segundo a Promotora, foi realizado um levantamento pelo Setor de Análise e Estatística - SAE que apontou que maioria dos processos relativos aos ataques apresentados pelo SINDASP-MG estão em fase avançada, alguns inclusive já foram sentenciados. Em relação aos que ainda seguem em fase de investigação, a Coordenadora irá notificar os respectivos Promotores responsáveis pedindo agilidade e atenção ao andamento dos mesmos.

Dr. Rômulo informou que todas as medidas estão sendo tomadas junto ao Grupo de Apoio Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e as promotorias estarão atuantes em relação aos fatos.

Notícias relacionadas