SINDASP-MG parabeniza Policial Penal pela aposentadoria

26 Mai 15:04 2020 Por SINDASP Imprimir

O SINDASP-MG parabeniza o Policial Penal Turi Berto por ter alcançado a merecida aposentadoria após 37 anos de trabalho prestado ao Estado. Turi Berto faz parte da turma de 1990, quando o ingresso para o Sistema Prisional ainda não era feito através de concurso público. Passou por diversas nomenclaturas, de Monitor, Guarda Penitenciário, Agente Penitenciário até Policial Penal. 

Foram muitos anos de dedicação, tanto na área administrativa, contribuindo para a carreira e atuando junto às Superintendências, à Corregedoria e aos Secretários e Subsecretários, quanto nas UPs. Após alguns anos de experiência junto aos gestores do Sistema Prisional, Turi Berto foi para a Penitenciária Agrícola de Neves (PAN), atual José Maria Alkimim, onde prestou serviços por quatro anos e meio e escapou por pouco de ser mantido refém na rebelião de 1997. Com uma estrutura mínima de trabalho, durante seu período de atuação na PAN, Turi Berto conta que as escoltas hospitalares eram feitas em ônibus coletivos “cheguei a fazer algumas escoltas hospitalares conduzindo os presos algemados dentro do ônibus lotação”, afirma.

Em seguida, Turi Berto foi para a Penitenciária Nelson Hungria, onde ficou por mais sete anos e meio até retornar aos trabalhos junto à gestão administrativa do Sistema Prisional. Durante todo o tempo, Turi Berto lutou ao lado da categoria pela tão sonhada Polícia Penal, foi diversas vezes à Brasília e, em uma destas idas, com o apoio de sua esposa, chegou a levar mais seis colegas para lutar junto com ele pela aprovação. Infelizmente, sua esposa veio a falecer horas antes da aprovação da Polícia Penal, mas Turi Berto tem certeza de que ela estaria muito orgulhosa desta conquista.

Turi Berto faz parte da atual gestão do Sindicato como Diretor Departamento dos Aposentados, Pensionistas e Saúde dos Servidores e estará, a partir de agora, se dedicando exclusivamente à sua pasta, contribuindo para o fortalecimento da categoria e levantando a bandeira da aposentadoria especial para que, segundo ele, seus colegas não tenham que esperar tantos anos e possam se aposentar com o tempo justo para o profissional da segurança pública.

O Sistema Prisional agradece todos estes anos de competência e dedicação como Policial Penal e segue contando com sua colaboração através do SINDASP-MG.

Notícias relacionadas