SINDASP-MG convoca: Servidores se unem contra o parcelamento do 13º salário em manifestação na próxima sexta-feira

29 Jan 15:31 2019 Por SINDASP Imprimir

Foi com grande decepção e revolta que o SINDASP-MG recebeu a notícia de que o Governador de Minas Gerais, Romeu Zema, pagará o 13º salário em 11 vezes. Uma decisão tomada de forma desrespeitosa, injusta e negligente, sem nenhum diálogo com as categorias. Diante disso, as entidades representativas de classe da Segurança Pública irão demonstrar toda sua insatisfação à sociedade, à mídia, ao Governo e aos parlamentares através de um GRANDE MOVIMENTO CONJUNTO no dia 01/02, às 12h, na ALMG, na posse dos deputados.

O SINDASP-MG ressalta ainda que não aceitará esta forma de tratamento que já está sendo dada pela gestão recém chegada e que desta manifestação poderão ser desencadeadas outras sucessivas ações para demonstrar a força e a indignação do funcionalismo público mineiro. Já bastam quatro anos de abandono e desrespeito, com salários atrasados, parcelados, sem reajustes salariais, nem mesmo reposições inflacionárias.

Enquanto o Governador não demonstrar mais consideração aos seus servidores, que estão dando seu sangue e suor e seguem comprometidos com seus trabalhos mesmo sem ter seus direitos respeitados, dando-lhes prioridade, os mesmos responderão na mesma moeda e não darão sossego à sua gestão.

Sendo assim, o SINDASP-MG ressalta que é de suma importância a participação de todos os Servidores do Sistema Prisional para que, junto com as demais categorias, sejamos ouvidos, e para deliberarmos novas ações de pressão ao executivo.

Notícias relacionadas