SINDASP-MG cobra adoção de medidas de contingenciamento e prevenção do Coronavírus no Sistema Prisional

23 Mar 16:33 2020 Por SINDASP Imprimir

O Vice-presidente do SINDASP-MG Jean Otoni, os Diretores Wladmir Dantas e Patrick Alves e o colaborador Marcelo Santana estiveram na Cidade Administrativa, na manhã de hoje (23.03), para oficializar ao Diretor-Geral do DEPEN Rodrigo Machado a cobrança por medidas que visam resguardar a saúde dos profissionais que atuam no Sistema Prisional, Policiais Penais e Servidores Administrativos, e reduzir o risco de contágio frente à pandemia do Coronavírus. 

Dentre as medidas estão o fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), o afastamento imediato de servidores que fazem parte do grupo de risco e fornecimento de transporte especial para as unidades prisionais do Estado. Estas e outras medidas estão sendo cobradas incessantemente pelo SINDASP-MG para o contingenciamento da doença, principalmente no âmbito do Sistema Prisional, pois trata-se de um ambiente superlotado, propício para propagação do Covid-19, elevando o risco de contágio de seus servidores.

A Diretoria do SINDASP-MG segue trabalhando intensamente - de forma responsável e seguindo às recomendações dos órgãos de saúde -  cobrando atenção do Estado às demandas da categoria.

O SINDASP-MG solicita a todos os Policiais que não estiverem recebendo os kits de proteção (máscaras, luvas e álcool em gel) em suas unidades, favor reportar à Diretoria do SINDASP-MG através do e-mail contato@sindaspmg.org.br com o seguinte assunto: "Ausência de kits na unidade", para que o Sindicato tome as devidas providências.

Notícias relacionadas