Governo anuncia novo parcelamento e escalonamento de salários e Coordenação Intersindical convoca plenária para o próximo dia 18

3 Nov 12:08 2016 Por SINDASP Imprimir

O SINDASP-MG participou, ontem (04/10), de mais um encontro da Mesa de Negociação Sindical, onde Governo anunciou o calendário de pagamento dos meses de novembro e dezembro. Porém, desta vez, com atrasos ainda maiores. O pagamento até o 5º dia útil não será respeitado nem na primeira parcela. O novo calendário fica da seguinte forma:

Novembro:

- os funcionários que recebem até R$3.000,00 receberão nos dias 14/11 e 12/12;

- aqueles com salários até R$6.000,00 recebem a primeira parcela no valor de R$3.000,00 no dia 14/11 e 12/12 e o restante nos dias 18/11 e 19/12;

- os salários acima de R$ 6.000,00 serão pagos em três parcelas: R$3.000,00 nos dias 14/11 e 12/12, R$ 3.000 nos dias 18/11 e 19/12, e o restante nos dias 23/11 e 21/12.

Quanto ao 13º salário, o Governo disse que dará informações a respeito do pagamento apenas em novembro.

Diante dos anúncios, todas as entidades permaneceram-se caladas e os representantes da Coordenação Intersindical anunciaram que não irão mais tentar negociar com o Governo nestes encontros, visto que não há diálogo, apenas anúncios e imposições.

Segundo o Presidente Adeilton, todas as categorias já estão cansadas da mesma desculpa de sempre: “O Governo não tem cumprido uma palavra sequer de suas promessas. Há quase dois anos, desde que assumiu a gestão, só joga a culpa na herança política e deixa o servidor à mercê”, desabafa.

Diante da situação, a Coordenação Intersindical, da qual o SINDASP-MG integra, convoca um Plenária para o dia 18/10 (terça-feira), às 13h, em local a ser definido.

Notícias relacionadas