Após confirmação de caso de Covid-19 em Policial Penal da PAOJ, SINDASP-MG solicita testagem para todos os servidores da 16º Risp

14 Abr 16:17 2020 Por SINDASP Imprimir

Assim que tomou ciência de que um Policial Penal da Penitenciária Agostinho Oliveira Júnior, em Unaí, testou positivo para Covid-19, o SINDASP-MG já acionou o DEPEN e protocolou um documento solicitando, em caráter de urgência, a realização de testes rápidos e testes moleculares, considerados mais assertivos para diagnóstico de Covid-19, para todos os Policiais Penais e Servidores Administrativos do Sistema Prisional da 16ª Risp.

A medida visa assegurar a saúde destes servidores e evitar que o Coronavírus chegue ao Sistema Prisional mineiro, como já está acontecendo no Complexo da Papuda, com 20 Policiais Penais e 23 detentos infectados, segundo boletim da Subsecretaria do Sistema Penitenciário do Distrito Federal (Sesipe-DF) divulgado nesta segunda-feira.

Assim como o Policial Penal da PAOJ infectado, devido à proximidade geográfica, muitos servidores prisionais desta região moram em Brasília ou têm contato diário com pessoas do DF. Para evitar a disseminação do vírus no Sistema Prisional da região, é de extrema necessidade a testagem e afastamento imediato de servidores infectados, se houver. O Policial Penal infectado já está afastado e cumpre quarentena.

O SINDASP-MG, através da subsede de Unaí, seguirá acompanhando o caso e cobrando, juntamente com a sede de Belo Horizonte, das autoridades competentes medidas urgentes para que a situação não se agrave.

Notícias relacionadas